Simpósio de Monstruosidades – Estética e Política

06/06/2018 15:25

Quinta-feira – 28 de junho de 2018.
Auditório Elke Hering. Biblioteca Universitária.
Universidade Federal de Santa Catarina.

O Simpósio de Monstruosidades – Estética e Política objetiva apresentar uma gama de trabalhos acadêmicos que problematizem o monstro na cultura ocidental nas mais variadas manifestações e lugares institucionais: quadrinhos, literatura, cinema, música, artes visuais, religião, saúde, política e ciência. Resultado de uma disciplina do Programa de Pós-graduação em Literatura da UFSC, ministrada por Marcio Markendorf e Daniel Serravalle de Sá, o simpósio terá uma abordagem multidisciplinar e inclusiva, demonstrando o quanto o monstro, percebido como o anormal, o freak, o queer, o outro, o diferente, torna-se elemento metafórico para a produção de preconceito, abjeção, marginalização e violência. Evento gratuito e aberto à comunidade. Número limitado de vagas – link para inscrição.

Página do evento no Facebook.

Programação Simpósio de Monstruosidades

MINICURSOS: Preenchimento da Plataforma Lattes – Nível I e II

05/06/2018 16:37

MINICURSO 24: Preenchimento da Plataforma Lattes – Nível I

Dia e Horário: 13/06/2018, das 14h às 18h

Local: 229 CCE/A

 

MINICURSO 23: PREENCHIMENTO DA PLATAFORMA LATTES – NÍVEL II

Dia e horário: 14/06, das 8h às 12h

Local: 252 CCE/A

Proponente: Profª Maria Lúcia de Barros Camargo

Ministrantes: Bruna Silva Fragoso, Fernanda Christmann

 

Este minicurso tem por objetivo a orientação inicial aos alunos de graduação e de pós-graduação no preenchimento da Plataforma Lattes, a fim de auxiliar nas possíveis dificuldades e dúvidas. Inicialmente será realizada uma contextualização da Plataforma Lattes, que é administrado pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico). Em seguida, mostraremos como realizar o cadastramento na plataforma e a inserção dos dados. Os pontos tratados serão: dados gerais, formação, atuação, projetos, produções e eventos. Será abordado também as informações mais relevantes a serem inseridas na plataforma, bem como as oportunidades que a UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) oferece aos estudantes. Atualmente, o Lattes é um requisito obrigatório para professores, alunos de pós-graduação e graduação que queiram estar na carreira acadêmica. O Lattes é utilizado em universidades públicas e privadas e pelos órgãos de fomento à pesquisa no país. A caracterização das informações, a sua abrangência e confiabilidade são primordiais para a concessão de financiamento e para a avaliação de docentes e discentes nas diferentes áreas.

Evento – Oco: o vazio que pulsa

22/05/2018 10:04

Georges Bataille já nos mostrou que toda produção traz em si um excedente que se caracteriza pelo dispêndio improdutivo. É a contra-cara da economia utilitarista que mascara e busca preencher uma espécie de vazio imanente. Maurice Blanchot, por sua vez, pensa, em 1968, O espaço literário como um “inefável lugar de origem de qualquer obra de arte”. Este, seria um espaço de “Geografia impossível, escuridão e nada”. Já em seu livro de 1977, Estâncias: a palavra e o fantasma na cultura ocidental, Giorgio Agamben se debruça sobre o tema do objeto ausente. Dentro das reflexões que empreende na obra, e partindo do conceito de imagem dialética cunhado por Walter Benjamin, Agamben pensa a ideia do emblema. O emblema, esse símbolo do puro deslocamento, seria o simulacro que faz girar em torno de si o vazio, gerando um procedimento de repetição que, por sua vez, retorna ao vazio.  O emblema é um espaço de deslocamento originário onde a semântica, à moda da metáfora, está sempre sujeita a uma alteração. Para Agamben, esta é uma tônica da possibilidade do pensamento: o fazer girar. O vazio aqui se apresenta justamente como aquilo que permite o movimento, trata-se de uma ausência como potência, ainda que seja uma “potência de não”. Tendo o vazio como espaço próprio à criação, ao pensamento e ao movimento, o Núcleo Oco de Pesquisa em Arte(s) convida para a participação no I Seminário OCO: O vazio que pulsa, cujo objetivo é estabelecer o diálogo an-autonômico entre os diversos campos do saber, como Literatura, Filosofia, Cinema, História, Artes, entre outros. O período de submissões de propostas de comunicação oral estará aberto até ­­­­01 de junho de 2018. O evento ocorrerá nos dias 20 e 21 de junho, na Sala Machado de Assis, prédio B do Centro de Comunicação e Expressão da UFSC. As propostas devem ser enviadas para o e-mail: seminario.oco@gmail.com, contendo nome, vínculo institucional, título do trabalho, resumo (entre 200 e 300 palavras) e palavras-chave.

Artes visuais

08/05/2018 09:01

O volume Artes visuais, da coleção Ensaios brasileiros contemporâneos, editado pela Fundação Nacional de Artes – Funarte, recebeu  em abril, o Prêmio Sérgio Miliiet da ABCA, Academia Brasileira de Críticos de Arte. O volume foi organizado por Fernando Cocchiarale, André Severo e Marilia Panitz reunindo nos ensaios mudanças de padrão no pensamento sobre arte contemporânea. A partir de diferentes objetos, abordagens e olhares, o volume apresenta reflexões sobre a produção de arte; e conecta o pensamento artístico à literatura, à filosofia, à antropologia, à psicanálise e a outras vertentes do saber contemporâneo. Entre os autores figuram Paulo Herkenhoff, Roberto Conduru, André Parente, Josué Mattos, Luiz Pérez-Oramas, Maria Angélica Melendi, Paulo Miyada e o professor da UFSC, Raul Antelo.

Convocação para Eleições

07/05/2018 16:54

Nova data das eleições: 12 de junho

das 09h às 11h30 e das 13h30 às 16h30

na Secretaria do Programa de Pós-Graduação em Literatura sala 329 do bloco B do CCE

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Eleições Representação Discente 2018

Chapa(s) inscrita(s):
Como não houve até a data indicada inscrição de chapas, será prorrogada até dia 07/06 a inscrição de chapas de Representação Discente para as eleições no dia 29/05.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Eleições Coordenação PPGLit

Portaria 27 – Designa COMISSÃO ELEITORAL COORDENAÇÃO 2019

Chapa(s) inscrita(s):
Coordenadora: Profª Patricia Peterle
Sub-Coordenadora: Profª Rosana Kamita